Inscreva-se: LIVE interativa “Comida sem Veneno: Privilégio ou Direito? Soberania Alimentar nas Favelas Durante a Pandemia”

O que é soberania alimentar? É possível produzir comida sem veneno em quantidade e fazer ela chegar a toda a população? Qual é a importância de promover a soberania alimentar e a alimentação saudável na favela no contexto desta pandemia?

No enfrentamento à pandemia, iniciativas populares têm incentivado o cultivo caseiro, o aproveitamento integral de alimentos e ainda levado alimentos agroecológicos até a população em favelas e periferias urbanas. Ações que trazem desafios, mas também apontam caminhos para conquista da soberania alimentar e da saúde, fortalecimento da agricultura familiar e conexão entre lutas do campo e da cidade. Se a saúde começa no prato, precisamos falar de agroecologia nessa pandemia!

Venha trocar ideias com ativistas de soberania alimentar nas favelas e conhecer caminhos para garantir o acesso a alimentos saudáveis durante a pandemia:

  • Ana Santos, Centro de Educação Multicultural Aliança pela Misericórdia (Alemão)
  • Cristina Flores, Movimento dos Pequenos Agricultores (Rio de Janeiro)
  • Fernanda Savicki, Associação Brasileira de Agroecologia (Mato Grosso do Sul)
  • Lucas Fernando, Juventude Agroecológica/Verdejar (Alemão/Engenho da Rainha)
  • Regina Tchelly, Favela Orgânica (Babilônia)
  • Susana Padrão, Consea RJ (Morro da Formiga)
  • Valdirene Militão, Campus Fiocruz Mata Atlântica (Maré)

Será na próxima segunda-feira, 25 de maio, das 18h às 20h no Zoom. As vagas são limitadas, então faça sua inscrição agora mesmo! Na segunda-feira, enviaremos os detalhes de como entrar na sala virtual pelo Zap e/ou email.

Apoio: Fundação Heinrich Böll Brasil