Sobre Theresa Williamson

Minibio

Dra. Theresa Williamson, é planejadora urbana, fundadora e diretora executiva da Comunidades Catalisadoras. Como parte de seu trabalho Theresa é editora-chefe do RioOnWatch, plataforma premiada de notícias bilingues sobre as favelas do Rio de Janeiro, e facilita a Rede Favela Sustentável e o Programa do Termo Territorial Coletivo. Mais recentemente, Theresa esteve à frente do desenvolvimento e realização do Painel Unificador Covid-19 nas Favelas, a plataforma mais robusta de dados sobre o alcance da Covid-19 nas favelas fluminenses. Theresa é reconhecida internacionalmente por sua luta pelo reconhecimento pleno das favelas como patrimônio da cidade e o direito de seus moradores à justiça social, com quatro matérias de opinião publicadas no The New York Times.

Bio

Dra. Theresa Williamson, é planejadora urbana, fundadora e diretora executiva da Comunidades Catalisadoras. Como parte de seu trabalho Theresa é editora-chefe do RioOnWatch, plataforma premiada de notícias bilingues sobre as favelas do Rio de Janeiro, e facilita a Rede Favela Sustentável e o Programa do Termo Territorial Coletivo. Mais recentemente, Theresa esteve à frente do desenvolvimento e realização do Painel Unificador Covid-19 nas Favelas, a plataforma mais robusta de dados sobre o alcance da Covid-19 nas favelas fluminenses. Theresa é conhecida internacionalmente por sua luta pelo reconhecimento pleno das favelas como patrimônio da cidade e o direito de seus moradores à justiça social. Em 2018, Theresa recebeu o prêmio da Sociedade Americana do Rio de Janeiro por suas contribuições à cidade e em 2012 recebeu o prêmio da NAHRO (National Association of Housing and Redevelopment Officials) dos EUA por suas contribuições ao debate internacional por moradia. Theresa têm muitas publicações inclusive seis capítulos de livro e quatro editoriais no The New York Times. Ela já foi citada em centenas de publicações e televisão. Anteriormente, em 2005, recebeu o prêmio Gill-Chin Lim pela melhor tese em planejamento internacional da American Collegiate Schools of Planning (ACSP) e a ComCat recebeu, em 2006, um prêmio do Tech Museum por desenvolver tecnologia em benefício da humanidade. Theresa se formou em Biologia Antropológica em Swarthmore College (EUA) e recebeu seu doutorado em Planejamento Urbano e Regional pela Universidade da Pensilvânia (EUA). Theresa é filha de mãe mineira e pai inglês, tendo passado a maior parte da sua vida no Rio de Janeiro, apesar de anos formativos nos EUA.


Maiores Detalhes

Vencedora de 2012 do Prêmio Internacional John D. Lange da NAHRO por sua contribuição ao debate internacional sobre habitação, com quatro artigos de opinião publicados no The New York Times, destacada no O Globo e Marie Claire, e citada na Revista PiauíFolha de São PauloO GloboThe New York Times (EUA)Al JazeeraNPR WorldviewArchitectural RecordSBS Dateline (Austrália), CBC Radio (Canadá), The Independent (Reino Unido), El Mundo (Espanha), 45 Minuuttia (Finlândia), entre outros—fundadora da Comunidades Catalisadoras (ComCat), Theresa Williamson tornou-se uma referência respeitada e uma defensora dos direitos das favelas do Rio de Janeiro, diante das transformações na cidade. Dirigindo a pequena e ágil equipe da Comunidades Catalisadoras, Theresa trabalha para promover uma integração mais criativa, inclusiva e empoderadora entre as comunidades da cidade formal e informal, de modo que as favelas da cidade sejam reconhecidas por seu estatuto de patrimônio e que seus moradores estejam totalmente atendidos como cidadãos de forma equânime. Theresa também é Editora Chefe do RioOnWatch, site de notícias da ComCat, internacionalmente reconhecido pelos seus relatos das favelas. Desde 2010 o RioOnWatch vem acompanhando tanto os impactos dos mega-eventos quanto os períodos de austeridade nas favelas do Rio de Janeiro, oferecendo uma plataforma global para as freqüentemente ignoradas perspectivas das comunidades, que detêm conhecimentos valiosos para as cidades de todo o mundo.

Em maio de 2004, Theresa recebeu seu doutorado do Departamento de Planejamento Urbano e Regional da Universidade da Pensilvânia. Intitulado Catalytic Communities: The birth of a Dot Org, sua tese ganhou em 2005 o Prêmio de Melhor Tese de Planejamento Internacional Gill-Chin Lim e foi uma das três finalistas para o Prêmio Barclay Gibbs Jones de 2004 de Melhor Tese em Planejamento. Ela tem publicado artigos de sua tese e pesquisa relacionada na revista Progressive PlanningThe Journal of Urban Technology, e Cidadania.org. Theresa se formou em Biologia Antropológica em Swarthmore College. Criada em Washington, DC, ela tem dupla cidadania brasileira e britânica e vive no Rio de Janeiro, Brasil.

Theresa está disponível para palestras públicas no Rio de Janeiro ou durante a sua turnê anual em universidades internacionais. Seu e-mail é: theresa [] comcat.org.